Pesquisar neste blog

sexta-feira, 27 de fevereiro de 2015

segunda-feira, 23 de fevereiro de 2015

segunda-feira, 9 de fevereiro de 2015

Narr(ativa)

Amava tanto a ficção
que conheceu uma narrativa
cheia de enredos e reviravoltas
e com ela se casou.
Novas narrativazinhas então nasceram
e puseram-se de pé
─ narravam-se autônomas
A realidade
Deus ex machina
─ ciumenta e traiçoeira ─
com sua cegueira
não conseguiu dar ao amor
ponto
final.
Acrescentou à narrativa
tão-somente
...